quinta-feira, 25 de abril de 2013

Falta-te uma Coisa

“Buscai antes o reino de Deus, e todas estas coisas vos serão acrescentadas.” (Lucas 12:31).

O que está faltando para você agora? Já parou pra pensar? Você nasceu, comeu, bebeu, cresceu, viveu, estudou, aprendeu, trabalhou, obedeceu as regras da sociedade, prosperou, acumulou bons lucros, casou, teve filhos e filhas… A vida passando…. Mas, falta-te ainda alguma coisa?
Conheço a história de um homem, que praticava uma vida religiosa bem disciplinada, obedecia todas as regras da sociedade e da religião de sua época, praticava a lei de Moisés, os dez mandamentos, era aplicado aos estudos, tinha muitas posses, dinheiro e bens.
Esse homem, porém tinha algumas dúvidas sobre a vida, principalmente, a vida depois da morte, a vida eterna, sobre a sua herança fora da terra… Isso o preocupava: O que fazer agora?
Ele procurou um grande mestre de sua época, alguém que anunciava coisas novas sobre o reino de Deus e a vida eterna, e perguntou – “Mestre, o que fazer para herdar a vida eterna? “E Jesus, olhando para ele, o amou e lhe disse: Falta-te uma coisa: vai, vende tudo quanto tens, e dá-o aos pobres, e terás um tesouro no céu; e vem, toma a cruz, e segue-me. (Marcos 10:21-22).

E, a história continua.


“… Mas, o homem, pesaroso desta palavra, retirou-se triste; porque possuía muitas propriedades.
Então Jesus, olhando em redor, disse aos seus discípulos: Quão dificilmente entrarão no reino de Deus os que têm riquezas!
E os discípulos se admiraram destas suas palavras; mas Jesus, tornando a falar, disse-lhes: Filhos, quão difícil é, para os que confiam nas riquezas, entrar no reino de Deus!
É mais fácil passar um camelo pelo fundo de uma agulha, do que entrar um rico no reino de Deus.
E eles se admiravam ainda mais, dizendo entre si: Quem poderá, pois, salvar-se?
Jesus, porém, olhando para eles, disse: Para os homens é impossível, mas não para Deus, porque para Deus todas as coisas são possíveis.
E Pedro começou a dizer-lhe: Eis que nós tudo deixamos, e te seguimos.
E Jesus, respondendo, disse: Em verdade vos digo que ninguém há, que tenha deixado casa, ou irmãos, ou irmãs, ou pai, ou mãe, ou mulher, ou filhos, ou campos, por amor de mim e do evangelho,Que não receba cem vezes tanto, já neste tempo, em casas, e irmãos, e irmãs, e mães, e filhos, e campos, com perseguições; e no século futuro a vida eterna.
Porém muitos primeiros serão derradeiros, e muitos derradeiros serão primeiros.”
(Marcos 10:22-31)

Veja bem, a Bíblia diz que esse homem ainda era jovem. Ele teve a chance de se tornar um herdeiro bem agalardoado no reino dos céus, aceitando ao convite de ser mais rico ainda. Mas, o seu coração estava aplicado nas fixações passageiras da terra. Ao seguir a Jesus, ele poderia ao menos ter dedicado o seu tempo aos necessitados, pois era isso que Jesus fazia.
Certamente que a preocupação daquele homem não era com os necessitados e, sim com as suas propriedades. Afinal, era um homem de negócios e estava muito mais preocupado com os seus bens, suas atividades comerciais, suas finanças, sua herança.
Ainda que sua herança e seu legado sejam repassados para seus filhos e netos, de geração para geração, isso é lindo e aconselhável, sim, mas não é eterno! Que legado você quer deixar para a sua geração?
“Não atentando nós nas coisas que se vêem, mas nas que se não vêem; porque as que se vêem são temporais, e as que se não vêem são eternas.” (2 Coríntios 4:18)

A riqueza que aquele jovem possuía, a vida religiosa que levava, seus conceitos sobre a vida, e todo o seu conhecimento sobre os seus negócios, não o salvariam. Entre o tesouro eterno e a riqueza passageira, ele resolveu escolher o último.
Aonde está o seu coração? Aonde está o seu tesouro? Em que você tem empreendido toda a sua força? Em quê tem aplicado toda a sua vida? Será que no fim terá mesmo valido a pena?
Não, não! O evangelho do reino de Deus não anuncia a pobreza, a ruína, nem a destruição. Mas, a humildade e a verdade! Você não está sendo condenado pela sua prosperidade! Não é isso! A lição que Jesus quis dar àquele homem foi a necessidade de algo mais importante do que aquilo que ele já havia conquistado.
Como diz a Bíblia: “Pois que aproveita ao homem ganhar o mundo inteiro, se perder a sua alma? Ou que dará o homem em recompensa da sua alma?” (Mateus 16:26).
Havia um perigo na vida daquele homem que Jesus enxergava e estava claramente testando sobre as prioridades da vida. Jesus sabia, se ele tem o dom de acumular riquezas, vou propor a ele um tesouro imensurável, algo que aquele jovem ainda não havia alcançado. Um tesouro que ladrão nenhum rouba, nem traça corrói.
“Não ajunteis tesouros na terra, onde a traça e a ferrugem tudo consomem, e onde os ladrões minam e roubam;” ( Mateus 6:19).
O que você quer mais? Aonde quer chegar? Quer alcançar quais horizontes? Ah, já alcançou tudo? Falta-te uma coisa?
Olhe ao seu redor, aonde estão os corações de nossa gente? Com quê eles estão preocupados hoje? Será que inverteram os ensinamentos de Jesus: Buscai em primeiro lugar todas estas coisas e o reino de Deus vos será acrescentado?
Que coisas você tem buscado?
“Já estais fartos! já estais ricos! sem nós reinais! e quisera reinásseis para que também nós viéssemos a reinar convosco!” (1 Coríntios 4:8).

Acho que já sei, você acha isso bobagem, e acha que estudou muito, e já sabe de tudo, né?
“Mas, Ai de vós, os que estais fartos, porque tereis fome. Ai de vós, os que agora rides, porque vos lamentareis e chorareis.” (Lucas 6:25).
O ser humano sempre tem uma necessidade a mais a ser saciada na vida! um grande exemplo na história moderna é a construção esbanjadora da cidade de Dubai1. Aquele jovem rico saciava uma vida eterna, contudo, comprovadamente, não ouviu de Jesus o que achava que o salvaria; a religião, as boas práticas e, principalmente a riqueza não poderiam recompensar esse tesouro maior.
Nada pode comprar a vida eterna! Já foi paga na Cruz e custou muito caro, o sangue de Jesus. Um preço incalculável!
Nada pode substituir a Cruz de Cristo, nem conhecimento, nem religião, nem obras, nem bens. Nada! Somente a sua fé neste rico sacrifício de Cristo é que poderá salvá-lo. A fé em Cristo foi o que faltou ao jovem rico de nossa história de hoje.

MUDANÇA E REGENERAÇÃO NO ENTANTO, É QUE O QUE CONSOLIDA ESSA FÉ! Deus age em nosso favor_thumb[9] 

Mas, você pode saciar-se, sim, de Jesus e dos tesouros do reino de Deus desde que o seu coração esteja aplicado nas coisas certas.
“Porque, onde estiver o vosso tesouro, ali estará também o vosso coração.” (Lucas 12:34)
Ora, conheço a história de outro que era bem aventurado… Bom, mas esta fica para a próxima!
Que o Espírito Santo de Deus te ilumine a alma rica e poderosamente em nome de Jesus, AMÉM!

Nenhum comentário:

Postar um comentário